Notícias

Ações positivas e música ao vivo marcam lançamento da campanha Atitude: Eu tenho a minha

03/06/2020
Institucional

Resgatar a autoestima e elevar a moral coletiva. Este é o objetivo da campanha institucional “Atitude: Eu tenho a minha” que foi lançada oficialmente na noite desta terça-feira (02) em transmissão ao vivo nos perfis do facebook e instagram do projeto.

A live de lançamento foi apresentada pelo publicitário Márcio Alessio, pela integrante da Junior Chamber International (JCI) Lajeado Paula Daiana Thomas e pelo digital influencer Alex Kemmerich (Gordo Fitness). Eles apresentaram sete cases de atitudes inspiradoras que ocorreram no Vale do Taquari durante o período de pandemia. A transmissão teve por objetivo divulgar atitudes positivas e inspirar mais pessoas do Vale a entrar no espírito coletivo.

Na programação da live, os internautas conheceram o jingle oficial da campanha, que foi produzido pelos músicos Max Lima e Ricardo Petter, e o vídeo institucional do projeto. Os materiais podem ser conferidos no instagram – instagram.com/atitudeeutenhoaminha e facebook – facebook.com/atitudeeutenhoaminha.

Cases

Mathias Krein

Morador de Arroio do Meio que, com apenas nove anos de idade, teve conhecimento do quadro de pandemia no Vale do Taquari e doou R$ 337,50 que estava poupando em seu cofrinho, ao Hospital São José. O valor estava sendo guardado para comprar um brinquedo Lego. Para o menino, o motivo da doação foi simples – um dia ele pode precisar do atendimento da casa de saúde

Loiva Crestani

A diretora da Escola São João Bosco, do bairro Conservas, de Lajeado, participou da transmissão de lançamento da campanha. Segundo ela, a campanha surgiu em momento ideal, para dar apoio às pessoas que enfrentam dificuldades no período que estamos vivenciando. Loiva participou da ação de entrega de máscaras e conscientização que antecedeu o lançamento da campanha, no sábado (30), com voluntários da JCI pelas ruas do bairro Conservas.

Irmãs do Imaculado Coração de Maria

Três irmãs que dedicam tempo para confeccionar máscaras para comunidades carentes de Lajeado. Além disso, as voluntárias também colocam os itens em uma árvore em frente à casa delas, localizada no bairro Hidráulica, para as pessoas que passam poderem retirar as suas.

Patrícia Rocha

É enfermeira da ala Covid no Hospital Bruno Born, em Lajeado. Ela auxilia os pacientes internados no local a fazer vídeo-chamadas com os familiares, visto que os internados neste local não podem ter acompanhamento de familiares. Segundo a profissional, esta é a maneira de manter próximo e ativo o contato entre pacientes e familiares.

Unidos pelo Vale

Movimento de empreendedores da região que buscaram fornecedores de matéria-prima e mão de obra para confeccionar máscaras e aventais para doar aos hospitais. O movimento busca conectar empresários, voluntários e casas de saúde para a confecção e distribuição dos itens de segurança aos profissionais que atuam diretamente nos hospitais. A meta é chegar a 300 mil peças confeccionadas em três meses.

Gilberto Gewer

Treinador de uma escolinha de futebol, ele teve que se afastar das atividades devido à pandemia. Sem renda fixa, e com a chegada das contas, teve que se reinventar. Estudando o mercado da região, ele e a esposa decidiram criar a Stars Donuts, em Estrela. Em poucos dias, o negócio ganhou força e tornou-se a principal fonte de renda do casal. Os pedidos podem ser feitos via facebook, instagram e whatsapp.

Grupo de Carpeteiras

A pandemia paralisou os tradicionais encontros de conversa e jogos de cartas de um grupo de amigas. Sem data prevista para retornar com os encontros, o grupo decidiu fazer uma vaquinha para comprar os materiais essenciais para confeccionar 200 máscaras. Como ainda havia um restante do valor doado, o grupo adquiriu cestas básicas e doaram a comunidades carentes de Lajeado.

Conscientização

Antes mesmo de ser oficialmente lançada a campanha, voluntários da JCI Lajeado realizaram trabalho de conscientização sobre a importância do uso correto das máscaras em Lajeado. No sábado (30), o grupo percorreu as ruas do bairro Conservas em carro aberto distribuindo os itens de segurança e orientando sobre o seu uso correto.

Na tarde desta terça-feira (02), os voluntários voltaram às ruas de Lajeado, desta vez no Centro, para convidar as pessoas a assistirem o lançamento da campanha nas redes sociais. Ao todo, nos dois dias de ação, foram distribuídas 800 máscaras.

Adesão

Inicialmente, a campanha está sendo promovida pela Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Lajeado e JCI Lajeado. A intensão é de que, com o lançamento já realizado, mais empresas e entidades da região busquem aderir ao projeto e realizem ações que possam ser replicadas nos perfis oficiais na internet.

Empresas, entidades e demais interessados em aderir ao projeto podem entrar em contato com o setor de comunicação da Acil através do telefone (51) 3011-6900 ou e-mail imprensa@acilajeado.org.br.

Assine a newsletter