Notícias

Cases da Docile e BRF ilustram tema da 10ª Jornada Técnica Ambiental da Acil

13/09/2019
Eventos

Lajeado – Mais de 80 empresários, executivos, estudantes, pesquisadores e interessados participaram da 10ª Jornada Técnica Ambiental realizada na noite desta quinta-feira (13.09) no salão de eventos da Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil). O evento teve como tema “A contribuição dos negócios para os objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU”.

Programação
A Jornada iniciou com os pronunciamentos do vice-presidente de Relações Institucionais, Fernando Arenhart, e do diretor de Responsabilidade Social da Acil e coordenador da ação Viva o Taquari Vivo, Gilberto Soares.

Arenhart destacou que, ao longo de sua existência de quase 98 anos, a Acil vem promovendo ações e apoiando iniciativas que proporcionem o desenvolvimento social sustentável da comunidade. “Chancelando o trabalho da Parceiros Voluntários Lajeado, que desde 2004 funciona dentro da ACIL, assumimos e reforçamos nosso compromisso com relação às questões de desenvolvimento sustentável, por meio de atitudes proativas, contribuindo para a construção de um mundo cada vez melhor.”

Painel
A relações públicas, produtora e curadora de eventos sustentáveis, Júlia Caon Froeder, abordou em sua palestra o tema “A contribuição dos negócios para os objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU”.

Em setembro de 2015, percebendo que os indicadores econômicos, sociais e ambientais dos últimos anos eram pessimistas quanto ao futuro das próximas gerações, a Organização das Nações Unidas (ONU) propôs que os seus 193 países membros assinassem a Agenda 2030, um plano global composto por 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs) e 169 metas para que esses países alcancem o desenvolvimento sustentável em todos os âmbitos até 2030. Cada objetivo e suas respectivas metas abordam aspectos diferentes que convergem pelo fato de serem essenciais para a viabilidade de uma sociedade sustentável. Todos os países membros da ONU assinaram a agenda 2030 e agora têm que arcar com o compromisso de alcançar as metas dos 17 objetivos.

“Essa é uma responsabilidade de todos que habitam neste planeta, desde nós cidadãos, empresas, governo, escolas, universidades, todo mundo tem uma parte nesse grande acordo mundial que o Brasil é signatário,” afirma.

Os objetivos determinarão o curso global de ação para acabar com a pobreza, promover a prosperidade e o bem-estar para todos, proteger o meio ambiente e enfrentar as mudanças climáticas. Júlia explica que todos os objetivos estão interconectados, mas que a questão das mudanças climáticas vem a preocupando. “As mudanças climáticas são um problema muito complexo e sutil, pois o que a gente faz aqui respinga lá no tufão nas Bahamas, que ocorreu recentemente. É uma questão urgente, a gente tem um prazo curto para conseguir resolver isso.”

A palestrante também mencionou exemplos de ações para o setor da agropecuária e indústria. “Existe um protocolo de agricultura de baixo carbono que consiste na emissão de poucos gases de efeito estufa e, algumas vezes, na captura desses gases. Nas indústrias, um exemplo recorrente é a neutralização das emissões de gases, que é algo que várias empresas já aderiram.”

Cases
Em seguida, ocorreu o painel com as apresentações dos cases das empresas Docile e BRF.

Fernando Heineck, diretor Industrial e Kelli Hepp, supervisora de Meio Ambiente da Docile, compartilharam o modelo de gestão da empresa, suas práticas e processo de reciclagem, tratamento de afluentes, uso de água da chuva e todos as ações relacionadas a conservação ambiental realizada na empresa.

Douglas Grando, supervisor de Utilidades e Daniel Martins, técnico de Utilidades da BRF, abordaram a distribuição de energia elétrica, geração de frio, geração de ar comprimido e de vapor, estação de tratamento de água e de efluentes e todos os processos que têm o objetivo de produzir e buscar a eficiência energética e a conservação do meio ambiente.

Realização
A jornada é realização da Acil e UPV Lajeado, com apoio de Agea Marketing e Comunicação, Bebidas Fruki, BRF, CDL Lajeado, Corsan, Docile, Free Agência de Turismo, Jacques Imóveis, Jornais A Hora e o Informativo do Vale, Sicredi, Sorvebom, Tabelionato Klein, Unimed VTRP e Univates.

  • Empresários e pesquisadores debateram compromissos com o desenvolvimento sustentável (esq p/ dir.: Kelli, Heineck, Soares, Júlia, Grando e Martins) - Crédito: Priscila Rodrigues
  • Mais de 80 empresários, executivos, estudantes, pesquisadores e interessados participaram do evento - Crédito: Priscila Rodrigues
Assine a newsletter